FECHAR
04 de maio de 2021
Voltar

TBM obtém avanço recorde em abertura de túnel na Europa

Com 10,65 metros de diâmetro, TBM da Herrenknecht escavou 860 metros em um mês do segundo túnel ferroviário mais longo do mundo
Fonte: Assessoria de Imprensa

As operações de abertura do Túnel da Base do Brenner alcançaram um novo recorde ao escavarem 860 metros em um mês com a TBM ‘Virginia’, uma máquina do tipo Double Shield com 10,65 metros de diâmetro, da fabricante alemã Herrenknecht.

A máquina registrou uma taxa média diária de avanço de 27,7 metros, sendo que seu melhor desempenho diário foi de 36,75 metros.

Liderado pela empresa austro-italiana BBT, o projeto prevê a construção de um túnel ferroviário de 64 km na base dos Alpes Orientais. O túnel atravessa os Alpes entre Innsbruck, na Áustria, e Fortezza, no sul do Tirol, na Itália, em trajetória plana.

Após a conclusão, será o segundo túnel ferroviário mais longo do mundo, ultrapassando o túnel Seikan, no Japão, em mais de um quilômetro.

Do lado italiano, em direção ao norte, três TBMs da Herrenknecht estão escavando os dois túneis principais, além de um túnel exploratório e outro de serviço, 12 metros abaixo.

No início de abril, as TMBs já haviam percorrido mais de 50% da distância total prevista em projeto. “As tripulações do nosso cliente BTC são compostas por profissionais de ponta em seu campo&r...


As operações de abertura do Túnel da Base do Brenner alcançaram um novo recorde ao escavarem 860 metros em um mês com a TBM ‘Virginia’, uma máquina do tipo Double Shield com 10,65 metros de diâmetro, da fabricante alemã Herrenknecht.

A máquina registrou uma taxa média diária de avanço de 27,7 metros, sendo que seu melhor desempenho diário foi de 36,75 metros.

Liderado pela empresa austro-italiana BBT, o projeto prevê a construção de um túnel ferroviário de 64 km na base dos Alpes Orientais. O túnel atravessa os Alpes entre Innsbruck, na Áustria, e Fortezza, no sul do Tirol, na Itália, em trajetória plana.

Após a conclusão, será o segundo túnel ferroviário mais longo do mundo, ultrapassando o túnel Seikan, no Japão, em mais de um quilômetro.

Do lado italiano, em direção ao norte, três TBMs da Herrenknecht estão escavando os dois túneis principais, além de um túnel exploratório e outro de serviço, 12 metros abaixo.

No início de abril, as TMBs já haviam percorrido mais de 50% da distância total prevista em projeto. “As tripulações do nosso cliente BTC são compostas por profissionais de ponta em seu campo”, parabenizou Matthias Flora, diretor de projetos da Herrenknecht. “E têm todo o nosso respeito por essa conquista.”