FECHAR
04 de maio de 2021
Voltar

Epiroc anuncia resultados do primeiro trimestre

Destaques são aumento nos pedidos recebidos, crescimento orgânico de receitas, lançamentos de um novo jumbo de perfuração de face e solução para eletrificação, além de acordo para adquirir a Meglab e a DandA Heavy Industries
Fonte: Assessoria de Imprensa

Juntamente com a publicação de seu relatório de resultados financeiros para o primeiro trimestre de 2021, a Epiroc também divulgou nota com os comentários de sua presidente e CEO, Helena Hedblom, em resumo abaixo.

“A pandemia da Covid-19 ainda está afetando nossas vidas diárias e a principal prioridade no trimestre foi manter os funcionários, clientes e parceiros seguros”, comenta Helena.

“Apesar da pandemia, a atividade em nossos clientes foi alta e vimos uma boa demanda por nossa oferta de pós-venda e equipamentos. Nossos clientes continuaram a tomar decisões de investimento e conquistamos diversos pedidos de médio e grande porte.”

Os pedidos recebidos aumentaram 9%, afirma a executiva, para uma alta recorde de MSEK 10.690 (milhões de coroas suecas), correspondendo a 21% de crescimento orgânico. Sequencialmente em relação ao trimestre anterior, os pedidos aumentaram 16% organicamente.

Maior lucratividade e fluxo de caixa estável

As receitas aumentaram 6% organicamente para MSEK 8.773 com crescimento orgânico para equipamentos e pós-venda.

A margem operacional ajustada foi positivamente impactada por maiores volumes e redução de custos. Melhorou para 23,0% (20,9). O fluxo de caixa operacional ficou estável em MSEK 1.610.


Juntamente com a publicação de seu relatório de resultados financeiros para o primeiro trimestre de 2021, a Epiroc também divulgou nota com os comentários de sua presidente e CEO, Helena Hedblom, em resumo abaixo.

“A pandemia da Covid-19 ainda está afetando nossas vidas diárias e a principal prioridade no trimestre foi manter os funcionários, clientes e parceiros seguros”, comenta Helena.

“Apesar da pandemia, a atividade em nossos clientes foi alta e vimos uma boa demanda por nossa oferta de pós-venda e equipamentos. Nossos clientes continuaram a tomar decisões de investimento e conquistamos diversos pedidos de médio e grande porte.”

Os pedidos recebidos aumentaram 9%, afirma a executiva, para uma alta recorde de MSEK 10.690 (milhões de coroas suecas), correspondendo a 21% de crescimento orgânico. Sequencialmente em relação ao trimestre anterior, os pedidos aumentaram 16% organicamente.

Maior lucratividade e fluxo de caixa estável

As receitas aumentaram 6% organicamente para MSEK 8.773 com crescimento orgânico para equipamentos e pós-venda.

A margem operacional ajustada foi positivamente impactada por maiores volumes e redução de custos. Melhorou para 23,0% (20,9). O fluxo de caixa operacional ficou estável em MSEK 1.610.

Forte demanda por soluções autônomas

Segundo a presidente da empresa, a demanda por soluções autônomas tanto para aplicações de mineração de superfície quanto subterrânea permaneceu alta no trimestre.

“É claro que nossas soluções comprovadas e implantadas globalmente aumentaram a disposição de nossos clientes em investir nessas tecnologias. Vemos tendências semelhantes na digitalização e eletrificação.”

Uma inovação apresentada no trimestre foi o Epiroc Boomer M20. É uma nova geração das perfuratrizes subterrâneas mais vendidas e possui características únicas, como hidráulica, eletrônica e sensores protegidos.

Outra inovação foi a solução de retrofit de baterias para equipamentos existentes, em que o motor diesel é substituído por uma transmissão elétrica a bateria.

“A carregadeira ST1030, que é uma das nossas mais populares, é o primeiro modelo para o qual a solução de retrofit estará disponível.”

Criando opções para o futuro

Além de investir em inovação para apoiar o crescimento orgânico, a empresa também cresceu por meio de aquisições, afirma Helena.

Este ano, a fabricante anunciou duas aquisições. Em março, foi realizada a aquisição da Meglab, empresa canadense com expertise no fornecimento de soluções de infraestrutura de eletrificação para a indústria de mineração.

Em abril, anunciaram a aquisição da DandA Heavy Industries, uma fabricante sul-coreana de rompedores hidráulicos para a indústria de construção. “Ambas as empresas fortalecerão nossa oferta e contribuirão para um crescimento lucrativo”, complementa.