FECHAR
FECHAR
30 de junho de 2020
Voltar

MERCADO

Startup S.O.S Truck registra bons resultados

App ajuda motoristas profissionais a encontrarem serviços específicos para seus caminhões em qualquer lugar do Brasil.
Fonte: Assessoria de Imprensa

A recém-lançada startup de auxílio ao caminhoneiro, a S.O.S Truck, entrou no mercado de aplicativos em novembro de 2019, com foco de mudar a forma que se comercializa peças de caminhões e carretas. Em pouco tempo, e com a mudança da rotina mundial, a empresa já viu a necessidade de pivotar algumas estratégias.

Desde o início da pandemia da Covid-19, os motoristas de caminhões seguem trabalhando por participarem da cadeia de serviços essenciais.

No início da quarentena decretada por diversos governos estaduais do Brasil em meados de março, os motoristas passaram a enfrentar sérias dificuldades na estrada ao se depararem com postos, oficinas e restaurantes fechados.

Buscando oferecer solução rápida ao problema, a startup S.O.S Truck fez parcerias solidárias com empresas de gestão de risco, como a Raster e Apisul, e com grandes atacadistas de autopeças para caminhões e carretas, como o grupo Daf TRP, para informar aos motoristas profissionais, de forma precisa e rápida, onde eles poderiam encontrar postos e restaurantes funcionando e, sobretudo, comprarem peças em caso de panes técnicas nos caminhões.

“Facilitar a vida dos caminhoneiros que buscam peças e diversos tipos de serviços para os caminhões já é a proposta da S.O.S ...


A recém-lançada startup de auxílio ao caminhoneiro, a S.O.S Truck, entrou no mercado de aplicativos em novembro de 2019, com foco de mudar a forma que se comercializa peças de caminhões e carretas. Em pouco tempo, e com a mudança da rotina mundial, a empresa já viu a necessidade de pivotar algumas estratégias.

Desde o início da pandemia da Covid-19, os motoristas de caminhões seguem trabalhando por participarem da cadeia de serviços essenciais.

No início da quarentena decretada por diversos governos estaduais do Brasil em meados de março, os motoristas passaram a enfrentar sérias dificuldades na estrada ao se depararem com postos, oficinas e restaurantes fechados.

Buscando oferecer solução rápida ao problema, a startup S.O.S Truck fez parcerias solidárias com empresas de gestão de risco, como a Raster e Apisul, e com grandes atacadistas de autopeças para caminhões e carretas, como o grupo Daf TRP, para informar aos motoristas profissionais, de forma precisa e rápida, onde eles poderiam encontrar postos e restaurantes funcionando e, sobretudo, comprarem peças em caso de panes técnicas nos caminhões.

“Facilitar a vida dos caminhoneiros que buscam peças e diversos tipos de serviços para os caminhões já é a proposta da S.O.S Truck, o que fizemos foi acrescentar rapidamente esse novo serviço para que os profissionais da estrada pudessem, por geolocalização no app, encontrar essa assistência durante o período mais agudo da pandemia”, comenta Gus Tambasco, CEO da S.O.S Truck.

A startup também fez diversas ações presenciais em locais de grande fluxo e passagem de caminhoneiros, como em postos de serviços e pátios de descanso nas mais importantes rodovias do Brasil.

Nestas ações, com o apoio de técnicos em enfermagem e estudantes de medicina assistidos por Ricardo Ganc, médico e sócio da S.O.S Truck, foi desenvolvido um protocolo de coleta de dados da saúde dos motoristas, com a aferição de pressão arterial e temperatura, além de orientações básicas de saúde e de medidas preventiva contra o Coronavírus.

Na segunda semana de junho, a equipe da S.O.S Truck, em parceria com o SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço nacional de Aprendizagem do Transporte), realizou uma grande ação em Brasília, DF e Anápolis, GO, oferecendo testes gratuitos da Covid-19 além de kits de segurança (álcool em gel e máscaras) aos caminhoneiros autônomos, motoristas profissionais do transporte rodoviário de cargas e motoristas cobradores do transporte coletivo rodoviário de passageiros.

Foram realizados 30 mil testes em terminais de cargas e de passageiros, postos de combustíveis, pontos de parada em diversas rodovias e em unidades operacionais do SEST SENAT.

Além dos testes, a S.O.S Truck entregou folhetos com orientações de prevenção da doença e kit de higienização das mãos e dos veículos, máscaras de tecido reutilizáveis e álcool em gel.

“O termo S.O.S não está à toa no nome do nosso produto. Queremos ser a base dos caminhoneiros quando houver um problema na estrada. Vamos investir em tecnologia de ponta para em breve, também cuidarmos da saúde dos motoristas por meio do aplicativo”, afirma o diretor comercial da S.O.S Truck, Alessandro Polleto.

Nos últimos dois meses, entre abril e maio, a plataforma S.O.S Truck mais do que dobrou de tamanho. O app, que é gratuito, organicamente já contabilizava mais de mil downloads no final de janeiro deste ano. Em março, esse número cresceu para mais de 2,5 mil usuários.

Atualmente, em função dessas ações e de maior procura pelos caminhoneiros por soluções digitais que facilitem a operação de transporte, o app já contabiliza mais de 6 mil motoristas ativos.

“Observamos que os motoristas estão cada vez enxergando o celular como uma importante ferramenta de trabalho. Com as dificuldades enfrentadas durante a pandemia, eles perceberam que soluções digitais podem ser uma saída interessante que ofereça eficiência e ao mesmo tempo, mais segurança à operação”, comenta Tambasco.

De acordo com Tambasco, o Brasil tem mais de dois milhões de motoristas de caminhões entre autônomos, agregados, funcionários de transportadoras e de empresas que contam com frotas próprias.

“Cem por cento destes profissionais faz uso do celular em seu dia a dia de trabalho. Nosso objetivo é conscientizá-los que a utilização de aplicativos irá tornar a vida na estrada mais segura e eficiente”, finaliza.