FECHAR
11 de fevereiro de 2020
Voltar

EMPRESAS

Link-Belt firma parceria com novo distribuidor no Peru

Malvex del Peru irá atuar na venda de equipamentos, peças, além do serviço de pós-vendas
Fonte: Assessoria de Imprensa

Seguindo uma estratégia de negócios focada em crescer no mercado latino americano, a Link-Belt anuncia seu novo distribuidor peruano.

A Malvex del Peru, presente no país há cerca de 50 anos, será responsável por revender os equipamentos e peças da marca, além de prestar todo o atendimento em pós-vendas.

Com a novidade, a Link-Belt garante maior capilaridade em setores como os de mineração e infraestrutura no país vizinho.

Para Anna Malmstrom, gerente de Finanças da Malvex, as vantagens também se estendem à distribuidora, que visa o aumento de vendas nesses e em outros segmentos.

Para alcançar o sucesso na parceria, as empresas apostam em duas frentes de trabalho.

A primeira é a apresentação dos equipamentos ao mercado, iniciando com o público que já se relaciona com a Malvex de alguma forma.

“Já existe um elo importante nesses casos e, acima de tudo, há também a confiança na nossa marca”, explica Malmstrom.

Já a segunda frente de trabalho, explica, será a oferta de um pós-venda de qualidade, uma vez que a companhia peruana conta com unidades em locais estratégicos, como as cidades de Lima (capital) e Arequipa (importante polo), além de garantir um atendimento à nível nacio...


Seguindo uma estratégia de negócios focada em crescer no mercado latino americano, a Link-Belt anuncia seu novo distribuidor peruano.

A Malvex del Peru, presente no país há cerca de 50 anos, será responsável por revender os equipamentos e peças da marca, além de prestar todo o atendimento em pós-vendas.

Com a novidade, a Link-Belt garante maior capilaridade em setores como os de mineração e infraestrutura no país vizinho.

Para Anna Malmstrom, gerente de Finanças da Malvex, as vantagens também se estendem à distribuidora, que visa o aumento de vendas nesses e em outros segmentos.

Para alcançar o sucesso na parceria, as empresas apostam em duas frentes de trabalho.

A primeira é a apresentação dos equipamentos ao mercado, iniciando com o público que já se relaciona com a Malvex de alguma forma.

“Já existe um elo importante nesses casos e, acima de tudo, há também a confiança na nossa marca”, explica Malmstrom.

Já a segunda frente de trabalho, explica, será a oferta de um pós-venda de qualidade, uma vez que a companhia peruana conta com unidades em locais estratégicos, como as cidades de Lima (capital) e Arequipa (importante polo), além de garantir um atendimento à nível nacional, com equipe especializada e amplo estoque de peças.

“É fundamental oferecermos um serviço técnico de resposta rápida para todo o território, utilizando de conhecimento hidráulico e eletrônico”, reforça a gerente.

Para o futuro, ainda há planos de abertura de uma nova unidade física da distribuidora para atendimento e o aumento da equipe técnica de acordo com a demanda.