FECHAR
FECHAR
13 de fevereiro de 2019
Voltar

EMPRESAS

Komatsu é classificada como empresa líder na gestão de mudanças climáticas

O CDP é uma organização internacional, sem fins lucrativos, que leva as empresas e governos a reduzir suas emissões de gases de efeito estufa, proteger os recursos hídricos e as florestas
Fonte: Assessoria de Imprensa

A Komatsu Ltd. foi classificada empresa nível “A” (numa escala de A à D) na recém-lista apresentada pela plataforma de divulgação ambiental global CDP, a qual identifica empresas líderes internacionais na gestão de mudanças climáticas.

“A classificação ‘A’ da Komatsu Ltd. se deve ao fato de a empresa lidar com eficiência questões relativas às mudanças climáticas, ao desmatamento e aos cuidados com conservação da água”, afirma Tetsuji Ohashi (foto), presidente da companhia japonesa.

De acordo com o especialista, a Komatsu tem por meta a priorização de atividades ambientais e, desde abril de 2016, vem desenvolvendo um plano de gerenciamento de médio prazo, que também definiu ações de ESG (sigla em inglês relativa a Meio Ambiente, Social e Governança).

Em particular, a empresa tem promovido o SmartConstruction, ferramenta que tem como objetivo projetar o campo de obras do futuro, através de equipamentos de construção inteligentes e recursos tecnológicos (drones, softwares 3D, simulações de produtividade em softwares Komatsu), a fim de reduzir significativamente as emissões de CO2 em todo o ciclo de vida dos equipamentos do setor.

A Komatsu também vem realizando esforços para obter economias significativas de energia em áreas de produção, por meio da conectividade baseada neste tipo de recurso.

No ano passado, mais de 7.000 empresas, com mais de 50% da capitalização de mercado global, divulgaram seus dados ambientais através do CDP, organização internacional sem fins lucrativos que orienta as empresas e governos a reduzir suas emissões de gases de efeito estufa, proteger os recursos hídricos e as florestas.

“À medida que a gravidade dos riscos ambientais para os negócios se torna mais evidente, as empresas no nível ‘A’ estão se posicionando para fornecer soluções. Precisamos intensificar urgentemente a ação ambiental em todos os níveis, a fim de cumprir as metas do Acordo de Paris e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e as empresas classificadas neste nível estão preparadas para dar uma contribuição substancial a essas metas”, argumenta Paul Simpson, CEO do CDP.