FECHAR
FECHAR
07 de julho de 2020
Voltar

EMPRESAS

Fronius celebra 75 anos de fundação

A empresa de origem austríaca, que se dedica a soluções nos segmentos de tecnologia de soldagem, carregadores de bateria e energia solar, tem filiais, distribuidores e representantes em mais de 60 países
Fonte: Assessoria de Imprensa

Tudo começou em 20 de junho de 1945, na pequena cidade de Pettenbach, na Áustria, quando Günter Fronius fundou uma oficina especializada em consertos de rádio e equipamentos elétricos.

Na época, a carga de baterias de carros, para muitos, ainda era um tanto obscura. Formado em elétrica, ele desenvolveu, então, uma solução para que as baterias pudessem ser usadas por mais tempo. Foi naquele momento que surgiu uma história de sucesso.

O espírito empreendedor de Günter Fronius fez com que, já em 1950, ele adicionasse transformadores de soldagem ao seu portfólio de produtos.

Com essa base tecnológica, o negócio de um homem só e uma ideia simples cresceu nas décadas seguintes e, hoje, é parte da indústria mundial e um player global nos campos da tecnologia de soldagem, energia fotovoltaica e tecnologia de carregamento de baterias.

A internacionalização teve início em 1980, quando o engenheiro elétrico entregou e empresa, ainda de médio porte, aos filhos Brigitte Strauß e Klaus Fronius.

Ambos iniciaram um processo de crescimento, com a fundação de subsidiárias em todo o mundo e, em 1992, os irmãos administradores decidiram investir no terceiro pilar de atuação da empresa, que ainda era um ‘tema do futu...


Tudo começou em 20 de junho de 1945, na pequena cidade de Pettenbach, na Áustria, quando Günter Fronius fundou uma oficina especializada em consertos de rádio e equipamentos elétricos.

Na época, a carga de baterias de carros, para muitos, ainda era um tanto obscura. Formado em elétrica, ele desenvolveu, então, uma solução para que as baterias pudessem ser usadas por mais tempo. Foi naquele momento que surgiu uma história de sucesso.

O espírito empreendedor de Günter Fronius fez com que, já em 1950, ele adicionasse transformadores de soldagem ao seu portfólio de produtos.

Com essa base tecnológica, o negócio de um homem só e uma ideia simples cresceu nas décadas seguintes e, hoje, é parte da indústria mundial e um player global nos campos da tecnologia de soldagem, energia fotovoltaica e tecnologia de carregamento de baterias.

A internacionalização teve início em 1980, quando o engenheiro elétrico entregou e empresa, ainda de médio porte, aos filhos Brigitte Strauß e Klaus Fronius.

Ambos iniciaram um processo de crescimento, com a fundação de subsidiárias em todo o mundo e, em 1992, os irmãos administradores decidiram investir no terceiro pilar de atuação da empresa, que ainda era um ‘tema do futuro’: a energia solar.

Hoje, estabelecida em três diferentes unidades de negócio e mais de 5.440 funcionários mundo afora, a empresa de tradição continua sendo administrada pela família, agora na terceira geração.

"O que somos e o que defendemos é, portanto, baseado num conceito de sustentabilidade do meu avô", diz Elisabeth Engelbrechtsmüller-Strauß, diretora executiva da Fronius International GmbH desde 2012.

A neta do fundador da empresa dá continuidade à trajetória de expansão, mantendo a percepção de inovação, qualidade e serviço.

"Apesar de o pensamento básico continuar o mesmo, mudanças foram ocorrendo com o tempo. Não somos mais apenas uma empresa de produção, já faz tempo que somos reconhecidos como uma empresa high-tech", afirma.

Com produtos que se baseiam em soluções de software altamente complexas, sistemas de gestão de dados e apps de fácil uso, a Fronius tem mais de 1,2 mil patentes ativas.

A participação de cerca de 93% nas exportações é obtida por meio de 34 empresas internacionais e distribuidores/representantes em mais de 60 países.

No Brasil, a Fronius atua desde 2003, com sede em São Bernardo do Campo (SP), onde conta com uma equipe de mais de 100 profissionais, além de mais de 30 representantes comerciais e distribuidores em todo território nacional.

Em 2019, a filial brasileira foi a primeira subsidiária da empresa a receber o selo da consultoria internacional Great Place to Work (GPTW) como um excelente lugar para se trabalhar.

”Em todo o mundo, as três unidades de negócio da Fronius – tecnologia de soldagem, carregadores de bateria e energia fotovoltaica – são empresas com tecnologia de ponta, trabalho de pesquisa intensivo e soluções revolucionárias”, comenta Elisabeth.