FECHAR
10 de setembro de 2019
Voltar

LANÇAMENTOS

Epiroc lança o Powerbit para mineração subterrânea

O novo Epiroc Powerbit para perfuração subterrânea permite maior taxa de penetração, vida útil mais longa e muitos metros a mais a cada dia. Isso impulsionará a produtividade de perfuratrizes novas e antigas
Fonte: Assessoria de Imprensa

A Epiroc está lançando uma poderosa ferramenta para perfuração subterrânea: um bit de perfuração projetado para otimizar a capacidade das mais recentes tecnologias em perfuratrizes.

O novo Epiroc Powerbit para perfuração subterrânea permite maior taxa de penetração, vida útil mais longa e muitos metros a mais a cada dia. Isso impulsionará a produtividade de perfuratrizes novas e antigas, permitindo que os clientes tenham mais retorno sobre seu investimento.

Segundo Johan Thenór, gerente da linha de produtos para martelo de topo da Epiroc, nos diversos testes realizados em todo o mundo, o Powerbit para perfuração subterrânea superou os demais bits de perfuração, resultando em uma notável melhoria de produtividade.

“O novo Powerbit teve uma produtividade média de perfuração 37% superior até atingir o ponto de descarte, sendo que em um dos ciclos do teste obteve um pico de 82% a mais no nível de produção”, diz Thenór.

Os testes mostram uma taxa de penetração mais alta e intervalos mais longos entre as afiações.

Este Powerbit, afirma o executivo, é uma resposta assertiva à demanda do mercado, compatível com as altas v...


A Epiroc está lançando uma poderosa ferramenta para perfuração subterrânea: um bit de perfuração projetado para otimizar a capacidade das mais recentes tecnologias em perfuratrizes.

O novo Epiroc Powerbit para perfuração subterrânea permite maior taxa de penetração, vida útil mais longa e muitos metros a mais a cada dia. Isso impulsionará a produtividade de perfuratrizes novas e antigas, permitindo que os clientes tenham mais retorno sobre seu investimento.

Segundo Johan Thenór, gerente da linha de produtos para martelo de topo da Epiroc, nos diversos testes realizados em todo o mundo, o Powerbit para perfuração subterrânea superou os demais bits de perfuração, resultando em uma notável melhoria de produtividade.

“O novo Powerbit teve uma produtividade média de perfuração 37% superior até atingir o ponto de descarte, sendo que em um dos ciclos do teste obteve um pico de 82% a mais no nível de produção”, diz Thenór.

Os testes mostram uma taxa de penetração mais alta e intervalos mais longos entre as afiações.

Este Powerbit, afirma o executivo, é uma resposta assertiva à demanda do mercado, compatível com as altas velocidades possibilitadas por perfuratrizes com cada vez mais performance.

Mesmo para perfuratrizes de menor velocidade, o Powerbit para perfuração subterrânea da Epiroc também é capaz de aumentar muito a produtividade. Um dos elementos inovadores responsáveis pela sua eficiência é a alta capacidade de escoamento do material perfurado.

“O design maximiza a eficiência de escoamento, que é a chave para a alta taxa de penetração”, explica Robert Arnoldsson, especialista sênior em produtos para perfuratriz de topo (Top Hammer) na Epiroc.

Outros recursos inovadores completam a configuração desta ferramenta para colocá-la numa posição de liderança no mercado.

“Usamos o aço mais duro em uma configuração que permite maior velocidade de penetração na rocha. Desta forma, os usuários podem tirar o máximo proveito de suas perfuratrizes e estabelecer novos níveis de produtividade”, diz Arnoldsson.

Outra novidade é um design inovador para os botões. Batizado de Trubbnos, ele possui um formato de trapézio, que contribui ainda mais para aumentar a taxa de penetração e a vida útil quando comparado aos botões semibalísticos convencionais.

“Como o desempenho do bit é crucial para a capacidade da perfuratriz em vencer rapidamente a rocha, os clientes podem esperar por um novo produto que melhorará a eficiência da produção”, conclui Thenór.

O Powerbit para perfuração subterrânea será lançado inicialmente na medida de 45mm, seguido por 48mm e 51mm. Outras dimensões serão apresentadas gradualmente.