FECHAR
FECHAR
10 de junho de 2020
Voltar
Empresa

Vitrine virtual

John Deere integra informações dos setores agrícola, florestal e de construção em plataforma digital, abrindo espaço para serviços, lançamentos e interação com os clientes

Nova plataforma digital busca maior aproximação dos clientes da marca no país

Em sua primeira coletiva virtual com a mídia especializada brasileira, realizada em 19 de maio, a John Deere Brasil apresentou o ‘John Deere Conecta’, um novo hub de conteúdo que se propõe a integrar o ambiente o real ao virtual. Segundo a empresa, o aplicativo pode ser acessado pela web e, a princípio, baixado para o sistema operacional Android, mas logo também estará disponível para iOS.

De acordo com Cristiano Correia, diretor de marketing da empresa para a América Latina, a plataforma é uma oportunidade de divulgar as soluções do portfólio da marca e seus lançamentos, mas também inclui uma área específica de suporte pós-venda, além de oferecer palestras técnicas e um canal de chat para que os clientes possam falar diretamente com as concessionárias. “Por meio de um único local colocaremos as novidades e as soluções que a John Deere pode oferecer ao cliente, buscando o que está acontecendo com o mercado e trazendo soluções que vão ao encontro das necessidades do cliente”, afirma.

Por meio da plataforma, prossegue o executivo, o cliente também pode fazer um tour virtual para conhecer melhor as máquinas e soluções ofertadas pela empresa. “Essa novidade entrega aos visitantes uma interação com todo o ecossistema da empresa, permitindo acesso às melhores condições de compras e conversas com concessionários”, comenta Correia.

JORNADA

De acordo com Paulo Herrmann, presidente da John Deere Brasil, a pandemia provocada pela covid-19 veio antecipar tendências que já vinham sendo usadas – mas não em sua totalidade – e que agora serão potencializadas. “O brasileiro tem uma forte presença no uso dos meios digitais, até mesmo maior dos que ocorre nos EUA, que é o nosso maior competidor no agro”, afirma Herrmann, destacando que a jornada da empresa no mundo digital começou há cerca de dez anos, quando decidiu conectar as máquinas e intr


Nova plataforma digital busca maior aproximação dos clientes da marca no país

Em sua primeira coletiva virtual com a mídia especializada brasileira, realizada em 19 de maio, a John Deere Brasil apresentou o ‘John Deere Conecta’, um novo hub de conteúdo que se propõe a integrar o ambiente o real ao virtual. Segundo a empresa, o aplicativo pode ser acessado pela web e, a princípio, baixado para o sistema operacional Android, mas logo também estará disponível para iOS.

De acordo com Cristiano Correia, diretor de marketing da empresa para a América Latina, a plataforma é uma oportunidade de divulgar as soluções do portfólio da marca e seus lançamentos, mas também inclui uma área específica de suporte pós-venda, além de oferecer palestras técnicas e um canal de chat para que os clientes possam falar diretamente com as concessionárias. “Por meio de um único local colocaremos as novidades e as soluções que a John Deere pode oferecer ao cliente, buscando o que está acontecendo com o mercado e trazendo soluções que vão ao encontro das necessidades do cliente”, afirma.

Por meio da plataforma, prossegue o executivo, o cliente também pode fazer um tour virtual para conhecer melhor as máquinas e soluções ofertadas pela empresa. “Essa novidade entrega aos visitantes uma interação com todo o ecossistema da empresa, permitindo acesso às melhores condições de compras e conversas com concessionários”, comenta Correia.

JORNADA

De acordo com Paulo Herrmann, presidente da John Deere Brasil, a pandemia provocada pela covid-19 veio antecipar tendências que já vinham sendo usadas – mas não em sua totalidade – e que agora serão potencializadas. “O brasileiro tem uma forte presença no uso dos meios digitais, até mesmo maior dos que ocorre nos EUA, que é o nosso maior competidor no agro”, afirma Herrmann, destacando que a jornada da empresa no mundo digital começou há cerca de dez anos, quando decidiu conectar as máquinas e introduzir soluções como o piloto automático e o GPS. “A segunda etapa dessa jornada foi a possibilidade de interagir com a máquina, receber dados do campo e mandar informações para corrigir funções e regulagens”, prossegue. “Agora, nosso objetivo é juntar tudo em um só lugar, facilitando o acesso às informações.”

Assim como o segmento agrícola e florestal, o setor de construção da John Deere também está integrado ao sistema, já com um cronograma de lançamentos e divulgação de soluções. “Esse sistema é uma plataforma viva, que não está pronta e nunca estará”, diz Herrmann. “À medida que formos identificando oportunidades, ela vai ser aperfeiçoada, melhorada, complementada. Nos dias de hoje, com a velocidade que a sociedade se movimenta no meio digital, nada pode ser definitivo”, finaliza o executivo.

Saiba mais:
John Deere: www.deere.com.br

Mais matérias sobre esse tema