FECHAR
FECHAR
17 de outubro de 2016
Voltar
Serviços

Solução na ponta dos dedos

Aplicativos para celulares e tablets permitem acesso a informações e serviços, facilitando a vida de usuários de máquinas e o relacionamento com os clientes
Por Melina Fogaça

Nos últimos anos, o planeta assistiu a uma verdadeira eclosão do uso de aplicativos nos mais diversos tipos de serviços, incluindo transporte, alimentação, entretenimento, atendimento médico e muitos outros. E no segmento de máquinas e equipamentos, isso não é diferente. Inclusive no Brasil, que registra aumento expressivo no uso de dispositivos móveis conectados à internet.

De acordo com estudo anual realizado pelo GVcia (Centro de Tecnologia de Informação Aplicada), da Fundação Getúlio Vargas (FGV/EAESP), o país já contabiliza 244 milhões de dispositivos móveis conectados à internet (incluindo notebooks, tablets e smartphones), o que significa 1,2 dispositivo portátil wireless por habitante.

Mais quem isso, a consultoria norte-americana App Annie – que acompanha o mercado global de aplicativos –, mostra que durante o primeiro trimestre de 2016 o país manteve a terceira posição no ranking dos maiores mercados em número de downloads de apps no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e da China.

De olho neste mercado, que descortina um cenário irreversível, as fabricantes e locadoras de equipamentos de construção também passaram a apostar nos aplicativos como ferramentas vitais para seus negócios, especialmente por facilitarem o acesso a informações sobre os produtos e viabilizarem a oferta de serviços de pós-venda, estreitando o – cada vez mais precioso – relacionamento com o cliente.

RECURSOS

No Brasil, a oferta é ampla. A locadora Solaris, por exemplo, lançou em maio o “Solaris App”, um recurso que permite realizar a abertura de chamadas técnicas, acessar canais de atendimento e interagir via redes sociais, incluindo o envio de fotos, vídeos e áudios sobre eventuais problemas apresentados pelos equipamentos. Segundo a empresa, o aplicativo também traz agilidade à manutenção corretiva, facilitando a localização e o traçado de rotas para todas as filiais.

Desde o lançamento, o “Solaris App” contabiliza quase 700 downloads (em setembro) para as plataformas iOS e Android, mas a meta é chegar a 2.000 downloads até o final do ano. “A força do aplicativo é ser uma solução completa nas mãos dos usuários, sejam clientes ou não, sem precisar entrar no site pelo desktop ou mesmo nos ligar”, frisa Arthur Lavieri, diretor-presidente da Solaris.

Um das principais features é um simulador utilizado para dimensionamento de frotas de plataformas de trabalho aéreo. Segundo Lavieri, o simulador analisa as informações sobre o ambiente, tanto interno quanto externo, piso, altura de trabalho e tipo de aplicação (manutenção, instalação, montagem, construção ou indústria), permitindo que o usuário escolha a melhor configuração por meio do aplicativo. “Novas funcionalidades serão integradas continuamente, como a abertura de chamado para questões administrativas”, informa o executivo.