FECHAR
FECHAR
Voltar

Painel

Revista M&T Edição 142 - 03/2011

Case entra na disputa pelo mercado de pesados

Com o lançamento da escavadeira hidráulica CX800B, de 80 t de peso operacional, a Case Construction ingressou definitivamente na disputa pelo segmento de equipamentos pesados no Brasil. “Nossa marca é tradicional no segmento de máquinas leves, com a liderança absoluta em retroescavadeiras, mas também produzimos modelos de grande porte e queremos nos consolidar como um provedor competitivo nessa área”, afirma Roque Reis, diretor comercial da empresa.

O novo modelo, indicado para aplicação em grandes obras de infraestrutura e mineração, é importado do Japão e incorpora todos os avanços tecnológicos da linha de escavadeiras CXB da marca. Edmar de Paula, gerente de marketing de produto, explica que seu sistema hidráulico, equipado com seis cilindros, foi reprojetado para proporcionar maior eficiência em aplicações severas.

O resultado é uma redução de ruído e vibração, com menor consumo de combustível, aumento de potência e menor índice de emissão de poluentes. “Em níveis mundiais, essa escavadeira tem alcançado altos índices de produtividade no carregamento de materiais de alta densidade, como minério de ferro, por exemplo”, acrescenta Edmar.

A maior potência hidráulica do equipamento resulta em menores tempos de ciclo e maior volume de material movimentado por hora. “Essas escavadeiras são equipadas com circuitos regenerativos de fluxo hidráulico na lança e no braço, assim como no mecanismo de movimentação da caçamba, o que diminui o tempo de ciclo necessário para produzir uma caçamba cheia.”

Além disso, a máquina pode armazenar mais de 10 configurações auxiliares de fluxo hidráulico para permitir que o operador ajuste rapidamente o equipamento a diferentes acessórios. Com a nova máquina, a empresa passa a dispor no mercado brasileiro de oito modelos de escavadeiras, na faixa de 13 t a 80 t de peso.

24/02/2011
24/02/2011
24/02/2011
24/02/2011
24/02/2011
24/02/2011